Calvície Masculina

Calvície androgenética masculina

Cinquenta por cento dos homens, sofre ou sofrerá com a alopecia 44em todo o mundo. Não é uma doença e sim um caráter sexual secundário, ou seja, uma característica do envelhecimento do indivíduo.

Ela ocorre pela predisposição dos folículos pilosos da região superior e anterior do couro cabeludo, serem sensíveis a ação da dihidrotestosterona, fazendo com que esses pelos entrem em miniaturização, ficando mais finos ate sumirem.

Calvicie Androgenetica Masculina

A alopecia androgenética masculina inicia depois da puberdade, é progressiva, tanto sua agressividade e estabilização da queda de cabelos é variável.

A procura do tratamento geralmente é estética, melhora de autoestima, rejuvenescimento e boa apresentação. Há formas de amenizar ou até corrigir a alopecia androgenética. Em casos iniciais o tratamento clínico pode ser utilizado para a remissão parcial ou atenuação do processo. Em casos mais severos, é indicado o implante capilar, cirurgia que redistribui folículos pilosos da área doadora, não acometida pela alopecia androgenética, na área receptora, ou seja, calva. Mas como podemos tratar a calvície androgenética redistribuindo cabelos do paciente se um individuo sem calvície tem em torno de 120.000 fios de cabelos e um calvo pode perder até mais da metade deste número de fios. Se você tem calvície androgenética provavelmente percebeu que ela é evolutiva e com o tempo você perdeu os cabelos progressivamente (veja a classificação de Hamilton Norwwod), começou na região das entradas e na coroa tambem. E ainda, que mesmo não tendo o volume de cabelos da sua juventude, somente após perder uma certa quantidade é que você começou a ficar incomodado.

Vamos falar então de conceito importante: Massa Capilar, que é o volume total de cabelos que você tem em sua cabeleira, não somente pela quantidade de fios, mas também pela espessura deles, comprimento e tipo de cabelo. Esses cabelos se sobrepõem em seu couro cabeludo, ou seja, totalizam um volume e permitem “esconder” seu couro cabeludo. Portanto para cobrir uma calvície e obter um aspecto de cobertura do couro cabeludo não é necessário um volume de cabelo muito grande. Este é o motivo que fez com o implante capilar seja cada vez mais procurado para o tratamento da alopecia androgenética. Obviamente que a evolução da técnica nos últimos 15 anos com a miniaturização das lâminas, utilização obrigatória de estereoscópia na realização do procedimento, padronização das unidades foliculares e da implantação dos folículos, permitiram a eficiência do tratamento. Mesmo com a cirurgia de transplante de cabelos o tratamento clínico também deve ser instituído.

Avaliação online

Saiba qual o tratamento para queda de cabelo e o mais adequado para você.

Fazer avaliação online agora

FAÇA UMA BUSCA PELO SITE

O Cirurgião Capilar

O tratamento na calvície não acaba na cirurgia, nossa equipe é extremamente atenciosa com o paciente, garantindo todo o suporte necessário, antes, durante e depois na cirurgia. DR. SANDRO SALANITRI Especialista em implante capilar

Especialista em implante capilar

ENQUETE

    • Qual a sua maior duvida no transplante de cabelos?

      Carregando ... Carregando ...
  • Qual o seu problema?